Our News

leitura
Blog

Entenda como funciona a leitura dinâmica e como fazer uso desta técnica.

Prepare-se para deixar (um pouquinho) de lado todos os ensinamentos que a sua professora do fundamental passou para ter uma boa leitura: sabe aquilo de ler palavra por palavra, sempre parar para procurar no dicionário quando você não entender um termo, ou reler a frase quando não a entender? Pois há uma técnica que adaptou todos esses “métodos” para as multitarefas do nosso dia-a-dia.

Como queremos fazer tudo e mais um pouco no nosso valioso tempo, com a leitura não seria diferente. E se a gente te contasse que dá para ler rápido e com qualidade? Deixe-nos te apresentar à leitura dinâmica!

O que é ler de forma dinâmica?

É extrair as principais informações de um artigo ou livro, por exemplo, rapidamente. Para quem trabalha com geração de conteúdo para web, essa é uma ótima forma de se trabalhar, assim você irá otimizar o tempo disponível para pesquisar e encontrar o que está procurando. Não estamos falando de passar os olhos correndo por todas as frases e torcer para entender alguma coisa, mas sim de “truques” estudados e comprovados para a extração de informações de maneira segura.

Como praticar a leitura dinâmica?

Selecionamos duas dicas fundamentais para você pegar o jeito da coisa, mas lembre-se que é preciso praticar bastante e, se possível, procurar a ajuda de um profissional:

– Procure não pronunciar as palavras

Muitas pessoas possuem o hábito de pronunciar as palavras (tanto em voz alta, quanto mentalmente) enquanto leem. Isso impede que a leitura dinâmica aconteça, pois você irá ler palavra por palavra, prolongando o tempo da leitura. Por mais que possa parecer contraditório, expressar cada palavra diminui a capacidade de compreensão – o cérebro estará tão ocupado com a pronúncia que não irá focar na interpretação do texto, fazendo com que você tenha que ler novamente.

– Continue a nadar!

Como a pensadora contemporânea de Procurando Nemo já dizia: continue a nadar! – Siga em frente sempre. Segure a emoção e aquele sentimento de obrigação de entender tudo o que está lendo naquele momento. Não precisa voltar no começo do texto toda vez que “empacar” em uma linha, isso leva muito tempo, e é isso que queremos evitar. Não é porque você ficou confuso em uma sentença que não irá entender a ideia principal do texto. Caso você chegue ao fim e ainda esteja preso àquilo, poderá retomar, mas isso dificilmente irá acontecer. O mesmo pode ser dito em relação a alguma palavra que você não conhece, o dicionário não irá fugir, fique tranquilo.

De início, esses são os dois truques para desenvolver uma leitura dinâmica, mas existem vários pontos que podem ser trabalhos, como:

– Praticar o skimming: passar os olhos rapidamente e extrair as informações principais, como o assunto, subtópicos, imagens, título, índice e data de publicação.

– E o scanning também: procurar identificar as palavras-chave do texto, isso serve para quando você está procurando determinado assunto e não quer perder tempo lendo coisas que naquele momento não te interessam.

– Treinar o movimento dos olhos durante a leitura: em vez de olhar palavra por palavra, dê “saltos” com o olhar pela linha.

Agora que você sabe mais sobre a leitura dinâmica, basta aplicar para tornar os seus trabalhos (e conhecimentos também, claro) ainda melhores! Até o próximo post.

Equipe Promocontent

  • Share: